Petição Pública Logotipo
Ver Petição Apoie esta Petição. Assine e divulgue. O seu apoio é muito importante.

Queremos António Lamas de volta a Belém

Para: Exmo. Senhor Primeiro-Ministro

Os signatários da presente petição pretendem ver corrigida a inqualificável decisão por parte do actual Governo de demitir António Lamas do cargo de Presidente do Centro Cultural de Belém.
Entendemos que esta demissão é despropositada e desproporcional face aos motivos apresentados pelo recém-chegado Ministro da Cultura, João Soares. A carência de uma justificação consistente aliada à nomeação de Elísio Summavielle para o cargo em questão, obriga a uma cuidada reflexão sobre este caso:

Summavielle é um homem que conhece bem nomeações pela mão de João Soares - uma vez que foi deste modo que repetidamente acedeu a diversos cargos em organismos públicos ligados ao Património. Militante do PS, nunca escondeu ambições políticas tendo passado da direcção da DGPC em 2012, e se tornado candidato à presidência da Câmara Municipal de Mafra pelo PS. Agora, está de volta à Cultura. No seu extenso currículo encontramos mais cargos que feitos, deixando assim um vazio onde deveria constar um pensamento estratégico para a gestão cultural nacional. Fica assim impossível concordar com João Soares, quando diz que Summavielle "[é] uma solução alternativa, capaz, de alguém com experiência, bastante mais jovem, com provas dadas, nomeadamente ao nível de responsabilidades públicas num ministério.”
Mais ainda, os organismos públicos responsáveis pela gestão do Património Cultural, de que Summavielle se orgulha de ter dirigido, são aqueles que têm votado os museus, monumentos, paisagens e sítios Património Mundial do nosso país a uma sufocante penúria, infertilidade e raquitismo, com evidentes repercussões na área do Turismo e, consequentemente, na Economia.

Para gerir um bem público com sucesso, não é necessário nem verbas nem magia, apenas competência.
Prova disso é o excepcional caso da Paisagem Cultural de Sintra, cujo modelo de gestão germinou da acção de António Lamas. Um bem público que pela forma como foi gerido se tornou 100% auto-sustentável, dispensando qualquer apoio Estatal. Hoje em dia este é o único sítio Património Mundial em Portugal continental que cumpre efectivamente todas as directrizes para a protecção e comunicação de valor ditadas pela UNESCO.
Diz Raquel Henriques da Silva (Professora FCSH-UNL) sobre António Lamas: "(...) um homem que, há mais de trinta anos, vem servindo com raro brilhantismo e respeito pela coisa pública, o património português." E sim, Lamas, não é militante de nenhum partido, e no entanto, já exerceu funções de gestor público por nomeação de governos PS, PSD e de coligação PSD-CDS. E quanto mais recuamos, mais lhe descobrimos valor: no final dos anos de 1980, delineou e pôs em movimento a requalificação e modernização de uma série de museus do séc. XX: o Museu Grão Vasco, o Museu Soares dos Reis, o Museu de Aveiro, o Museu de Évora, o Museu do Abade Baçal, o Museu Nacional de Arte Contemporânea. António Lamas esteve inclusivamente envolvido no projecto de criação do próprio CCB.
No seguimento da experiência consolidada em Sintra, Lamas fazia agora germinar o projecto para o Eixo Belém-Ajuda(1) que João Soares acaba de boicotar.


Os signatários desta petição pedem assim, ao Senhor Primeiro-Ministro que active os meios necessários para que seja devolvida a competência ao CCB e a Belém.

Exigimos igualmente, que António Lamas seja tratado com o respeito e o louvor merecidos enquanto invulgar visionário do nosso panorama nacional e cujo enxovalho feito pelo actual ministro da Cultura envergonha toda a nação.






(1) https://www.ccb.pt/mediaRep/ccb/files/noticias/PlanoEstrategicodeBelem.set.15.pdf

Fontes:
http://www.publico.pt/culturaipsilon/noticia/joao-soares-afasta-antonio-lamas-do-ccb-e-nomeia-elisio-summavielle-1724836?page=1
http://www.publico.pt/culturaipsilon/noticia/direito-a-indignacao-1724694?page=2#/follow
http://www.publico.pt/culturaipsilon/noticia/nao-me-demito-quando-acredito-em-alguma-coisa-nao-esta-na-minha-natureza-1724445


Qual a sua opinião?

A actual petição encontra-se alojada no site Petição Publica que disponibiliza um serviço público gratuito para todos os Portugueses apoiarem as causas em que acreditam e criarem petições online. Caso tenha alguma questão ou sugestão para o autor da Petição poderá fazê-lo através do seguinte link Contactar Autor
Assinaram a petição
195 Pessoas

O seu apoio é muito importante. Apoie esta causa. Assine a Petição.