Petição Pública Logotipo
Ver Petição Razões para assinar. O que dizem os signatários.
A opinião e razões dos signatários da Petição: Não à revogação do Decreto-Lei 3/2008 de 7 de janeiro , para Assembleia da República, Presidente da República, Primeiro Ministro

Nome Comentário
Vasco . Está revogação representa um retrocesso para a inclusão dos meninos autistas, já por si tão prejudicados pela doença.
Luís G. Não é com alterações constantes à lei que se melhora a Educação Especial
joaquim m. respeitem quem tem necessidades especiais...
Ana c. As EREBAS devem ter nos seus quadros professores de Educação especial, terapeutas da fala, Intérpretes e professores de língua gestual portuguesa.
Maria R. Em sociedade, evoluímos no sentido de dar a melhor atenção aos que dela precisam. Temos a felicidade de contar com pessoas com talentos dirigidos para necessidades especiais e que se realizam com esse trabalho. Precisamos de apoiar e ensinar as pessoas com necessidades especiais, é um direito seu. Há tanto trabalho onde os professores podem ser válidos. Porquê desistir dos avanços de civilização, daquilo que nos humaniza. Tem de haver lugar para todos, para todo o tipo de trabalho. É uma exigência de justiça.
Anabela S. É inadmissível toadas as crianças qie estão ao abrigo desta lei ficarem desprotegidos.
Sónia F. Tenho dois filhos com esse artigo, é muito injusto retirarem, onde entra então todas estas crianças? Parem de olhar para o vosso umbigo e tenham mais respeito por estes meninos e meninas tão especiais.
Susana . Manutenção dos artigos referentes à Educação dos Alunos Surdos
Joao E. Solidariedade!
Ana S. Crianças especiais, professores adequados. Há que incluir estes jovens na nossa sociedade.
Maria . Apoio a 100%
Maria S. Enquanto docente, encaminhada para a Educação Especial pelas diretrizes dos concursos de colocação e que posteriormente investiu na necessária formação para melhorar o respetivo desempenho, não posso aceitar a desconsideração que a nova proposta legislativa determina para comigo e outros na minha situação. Investi esforço, tempo, até recursos pessoais na Educação Especial, tenho ajudado muitas crianças e jovens com muito orgulho e sei que estou mais preparada que outros docentes para este trabalho. Como posso aceitar que agora se junte tudo a favor dos "lobbies" da formação de horários? Os nossos alunos merecem o melhor e também os melhores professores e ninguém, por muito jeito que tenha, promove respostas adequadas se não tiver o conhecimento científico para as implementar.
Rodrigo L. Sons lqpmeis aldnud sodndj aldmi a
Alexandra M. Concordo plenamente que seja o professor de educação especial a acompanhar o aluno, fazendo ponte entre os vários profissionais que existem no âmbito escolar.
Maria . O novo decreto???? Não dá resposta às crianças/jovens com Necessidades Educativas Especiais
José F. Não à revogação do Decreto-Lei 3/2008 de 7 de janeiro!!!!
Teresa G. Nem pensar...ha necessidade de existir apoio as criancas com NEE
Susana S. Rever, melhorar... sempre! Mas tal não tem e não pode ser à custa do bem maior, que é a Educação e o bem-estar dos nossos alunos. A verdadeira inclusão não se limita à partilha de um espaço físico, sobretudo com as turmas gigantescas que temos e os programas por si também demasiado extensos. É preciso apoio individualizado aos jovens com NEE, algo que vai muito além do apoio em sala de aula - onde, cada docente, já se desdobra em mil pedacinhos e nem sempre consegue chegar a todos.
Paulo C. Contra os iluminados dos nossos governantes que só sabem inventar.
António B. Uma vergonha.

Assinaram a petição
560 Pessoas

O seu apoio é muito importante. Apoie esta causa. Assine a Petição.



Ler texto da Petição