Petição Pública Logotipo
Ver Petição Razões para assinar. O que dizem os signatários.
A opinião e razões dos signatários da Petição: Petição Os ex-combatentes solicitam ao Estado Português o reconhecimento cabal dos seus serviços e sacrifícios., para Assembleia da República e Governo

Nome Comentário
António P. Esta petição vem muito atrasada no tempo, todos os ex.combatentes estão retomados, a petição deve ser para muitos outros benefícios tais como : isenções de taxas moderadoras, benefícios fiscais a nível de IRS, isenção de IUC, isenção de taxação de IRS sobre a esmola da pensão vitalícia,por exemplo pagam 112 euros brutos recebo 79 preto é para IRS,etc, etc,etc.
António P. Que todo o tempo prestado ao serviço militar, incidindo em 100% o prestado em zona de combate nas províncias Ultramarinas, conte como antecipação á idade de reforma e sendo o caso minimize proporcionalmente o corte referente à sustentabilidade da Reforma.
Do . Exigencias extravagantes e descabidas , foram de férias em Africa gratuitamente e ainda querem receber , TÔLOS !!!!
Humberto S. mais vale tarde do que nunca
joao l. Estou em solidariedade com eles.
Engº C. »»»» Temos que ultrapassar este ostracismo a que nos votaram . E.P. deve ao menos anular as Taxas Moderadoras , para que os COMBATENTES Se Poderem Tratar . É injusto isto não acontecer . Outras medidas , fazem parte do caderno Reeivindicativo , já entregue .Sejam sérios e honestos . Olhem que os COMBATENTES , sofreram muito !
jose m. É preciso que o tempo passe, para que sejam cada vez menos, os que muito fizeram pela Pátria, para que os políticos beneficiem dos feitos nunca reconhecidos .
António . Espero que dê resultado
ISRAEL G. 27 meses em Angola 100% ,ingressei na GNR 12 anos de serviço,Tenho 17 de serviço militar a GGA calculou só 12 anos da GNR e a CNP paga a Lei 9/2002 150 Euros em Outubro é ridículo,mas estou desde 2011 a tratar deste assunto que penso terá um bom vi,
Francisco P. Reconhecimento incondicional
Carlos S. Concordo com a petição
Francisco S. Porquê os ex-Combatentes foram marginalizados, bem como lançados na bruma do esquecimento e só eram lembrados quando eram novos apenas para dar carne para canhão? Onde está a "JUSTIÇA" de "PORTUGAL?" Deveriam ter vergonha de tratarem os Veteranos e ex -_Combatentes abaixo de cão!
Manuel m. C.Art.752/B.Art.753 - Angola / 1965/67.
Joao C. Só me espantará ser mais uma petição sem conclusão e resolução do reconhecimentos dos veteranos combatentes da guerra do ultramar. Acreditemos que seja desta.
JOÃO F. PARECE IMPOSSÍVEL COMO NÃO É FÁCIL REUNIR AS ASSINATURAS NECESSÁRIAS PARA ESTA PETIÇÃO.
cesar s. Estou completamente de acordo com o texto da petição, felicito e lamento ao mesmo tempo só ter tomado conhecimento agora. Pois os meios de comunicação não se prestam a divulgar questões tão pertinentes, porque não são telenovelas nem noticias que dêem audiências. Mas venho afirmar mais tenho uma carta já elaborada e dirigida ao Chefe Supremo das Forças Armadas alertando para uma questão que não tem sido levantada. Passo a descrever: Houve milhares de militares que quando regressaram do ultramar que estiveram no desemprego e muito em especial aqueles que regressaram em 1975 apos a independência das ex-colónias. No meu caso cheguei em abril de 1975 e só consegui emprego em Maio de 1977, estive dois anos a viver à custa da família, provavelmente muitos outros tiveram a mesma sorte ou azar como se queira dizer. É meu entendimento que tal como os militares de carreira lhes é contado o tempo na reserva para efeitos de aposentação, nós ficámos privados desse tempo para esse efeito e faz toda a diferença no valor da pensão, no entanto ficávamos segundo o DRM então em vigor, na reserva territorial até aos 45 anos. Deviam contar-nos esse tempo, com pagamento das quotas correspondentes.
ALBERTINO V. Acho de toda a justiça que o atual ESTADO PORTUGUÊS nos dê alguma compensação pelo sacrifício das nossas vidas. Considero um dever de qualquer Estado para com os seus ex-combatentes, sobretudo quando obrigados a servi-lo.
José A. Espero que com esta petição, sejamos reconhecidos pelos serviços prestados à Nação.
João V. Já fomos 650.000 em guerra, convem unirmo-nos para que nos respeitem de uma vez por todas.
Alcindo . Combatente em Angola

Assinaram a petição
4.703 Pessoas

O seu apoio é muito importante. Apoie esta causa. Assine a Petição.



Ler texto da Petição